segunda-feira, 31 de março de 2014

Inveja

A verdade, verdadinha, é que tenho inveja das mães que podem ficar em casa a tomar conta dos filhos, a vê-los crescer, descobrir novos segredos e brincadeiras, limpar as lágrimas, ouvir as gargalhadas, deitar, dar de comer, conversar. 

Ah tens tanta sorte por ele ficar com a família!!! Sorte? Sorte têm as mulheres que a toda a hora podem cheirar os filhos, mudar-lhes as fraldas, esmagar-lhes as bolachas, pintar-lhes a cara com iogurte e ouvir os protestos dos filhos porque querem isto ou aquilo, porque estão fartos ou só porque sim porque eles também têm o direito de "acordar com os pés de fora".

Como eu gostava de passar o dia a brincar com o meu filho e como eu sofro hoje exactamente o mesmo que sofri a 2 de Janeiro, quando o deixei a primeira vez com o meu pai e a minha irmã. Dentro de mim nada mudou... permanece o vazio e a tristeza de ver as horas passarem e eu aqui, sem ti...

Acidentes Não Acontecem Só aos Outros

Mas só deviam de acontecer aos outros porque ter um acidente com o filhote dentro do carro é de morrer de susto mas em versão vivo. O tempo parou ali...

Não foi um grande acidente mas podia ter sido. Na minha cabeça só pensava: Ai o meu filho! Ai o meu filho! Ai se o carro capota! Ai o meu filho! Ai o meu filho!!!

A vida pára ali... e logo eu que nunca tive nenhum acidente como condutora! 

O medo, terror, pavor é tão grande porque tinha o meu filho no carro. Não se compara com o medo que senti quando tive os outros 2 acidentes (e foram graves).

Felizmente a única coisa que aconteceu foi eu ter saído do carro toda a tremer e a ter de arranjar forças para conseguir andar até ao menino que estava... tranquilo. Não se passou nada.

Agora é arranjar o carro que felizmente não sofreu muito. Foi mais o susto e o medo que ele capota-se porque andou como que... como explicar? Na perpendicular!???

E vocês acreditam que telefonei para o trabalho a avisar que podia chegar atrasada para não haver mudança de turno (ás 8h) e o colega sem se aperceber da gravidade da situação a primeira coisa que disse foi: Mas não venhas muito tarde que eu tenho de entrar ás 16h! (só depois é que se apercebeu, não não foi Sr. J???) 

segunda-feira, 24 de março de 2014

Onde está o Diogo?


Tirei todos os brinquedos da caixa e estou a brincar com o brinquedo mais espectacular de todos: 
A ETIQUETA DA CAIXA.



Eu Quero!!!

 Não sei o que está lá em cima mas... EU QUERO!!!

quinta-feira, 20 de março de 2014

Ontem foi Dia do Pai

Ontem foi Dia do Pai e eu tinha tudo preparado para festejar-mos juntos o nosso primeiro Dia do Pai. 

Há mais de uma semana que andava a pedir ao Luís para chegar um bocado mais cedo na quarta-feira e baseado nisso decidi que faríamos a prenda em conjunto. Podia ter tomado outra decisão, fazer uma parte da prenda e deixar a outra para quando ele chegasse, mas tomei esta porque achei que era mais giro fazermos todos juntos e baseada no que ele disse.

O Luís chegou a casa ás 18h10m, hora normal e em que começo a tratar do Diogo. 

Resultado: os 30 minutos que precisava para a prenda não aconteceram. Comecei a tratar do meu filho, até o adormeci e até a esta hora, apesar das lágrimas de derramei da tristeza que o meu coração sente, não ouvi nem um pedido de desculpas, nem o mínimo de interesse em emendar o erro cometido. Até lhe disse que mesmo tendo feito asneira, ontem ele podia ter vindo ter comigo, falado e tentado remediar o erro mas nem ao FB ele foi ver a homenagem que lhe fiz e sabia que lá estava.

É por estas e por outras que uma pessoa emocional como eu, não dorme, chora desalmadamente.  Estas coisas mais do que me magoam, entram-me pela alma dentro como uma faca indivisível que me rasga o coração. Estas coisas fazem-me pensar que o amor afinal não é tudo e que apesar de saber que ele me ama mais do que tudo e que o sentimento é reciproco mais vale cada um seguir o seu caminho, sem lágrimas. 

Há pouco tempo fiz-lhe as malas porque isto da maternidade tem muito que se lhe diga e a nossa paciência para certas coisas tem limites e o meu limite acaba quando o trabalho dele interfere constantemente com a minha vida pessoal. 




quarta-feira, 19 de março de 2014

A Minha Nova Melhor Amiga


O meu filho arranjou uma grande amiga. Não a larga. Ainda ontem estava a ver que ia dormir com ela - A Colher de Pau.


Se esta amiga ás vezes já  provoca algum transtorno imaginem quando ele está mesmo chateado e acha que em vez de 1 precisa de 2 grandes amigas - A Tampa do Tacho.


Acho que vamos arranjar muitos inimigos na vizinhança.

terça-feira, 18 de março de 2014

Tire o Pó... Se Precisar...

Acabei de ler este texto que reflecte muito a minha forma de estar e pensar desde que fui mãe e cujo responsável é o meu marido.


Não deixe suas panelas brilharem mais do que você!!!!


Não leve a faxina ou o trabalho tão a sério!

Pense que a camada de pó vai proteger a madeira que está por baixo dela!

Uma casa só vai virar um lar quando você for capaz de escrever “Eu te amo” sobre os móveis!

Antigamente eu gastava no mínimo 8 horas por semana para manter tudo bem limpo, caso “alguém aparecesse para visitar” – mas depois descobri que ninguém passa “por acaso” para visitar – todos estão muito ocupados passeando, se divertindo e aproveitando a vida!

E agora, se alguém aparecer de repente?

Não tenho que explicar a situação da minha casa a ninguém…

…as pessoas não estão interessadas em saber o que eu fiquei fazendo o dia todo enquanto elas passeavam, se divertiam e aproveitavam a vida…
Caso você ainda não tenha percebido: A VIDA É CURTA… APROVEITE-A!!!


Tire o pó… se precisar…


Mas não seria melhor pintar um quadro ou escrever uma carta, dar um passeio ou visitar um amigo, assar um bolo e lamber a colher suja de massa, plantar e regar umas sementinhas?
Pese muito bem a diferença entre QUERER e PRECISAR !

Tire o pó… se precisar…

Mas você não terá muito tempo livre…
Para beber champanhe, nadar na praia (ou na piscina), escalar montanhas, brincar com os cachorros, ouvir música e ler livros, cultivar os amigos e aproveitar a vida!!!


Tire o pó… se precisar…


Mas a vida continua lá fora, o sol iluminando os olhos, o vento agitando os cabelos, um floco de neve, as gotas da chuva caindo mansamente….

- Pense bem, este dia não voltará jamais!!!


Tire o pó… se precisar…


mas não se esqueça que você vai envelhecer e muita coisa não será mais tão fácil de fazer como agora…
E quando você partir, como todos nós partiremos um dia, também vai virar pó!!!
Ninguém vai se lembrar de quantas contas você pagou, nem de sua casa tão limpinha, mas vão se lembrar de sua amizade, de sua alegria e do que você ensinou.


AFINAL:


“Não é o que você juntou, e sim o que você espalhou que reflete como você viveu a sua vida.”

(Autor desconhecido )

sexta-feira, 14 de março de 2014

Os Bebés do Futuro - Vídeo


Já falta pouco. O meu com 9 meses já quer ver o telemóvel e a máquina fotográfica.


Propaganda indiana mostra como serão os bebés do futuro. (MTS Internet Baby Full Version)

quinta-feira, 13 de março de 2014

Respirar Contamina?

As pessoas andam malucas com as cenas ecológicas. Então dizia uma mãe que o leite adaptado X não pode ser tomado por meninos e mostra um estudo que provoca fraco desenvolvimento do aparelho reprodutor. (Estamos a falar de um dos leites mais usados e aconselhados pelos pediatras para bebés com problemas de cólicas).

Seguindo a mesma linha de raciocínio e tendo atenção vários estudos que se estudam e até o estudo do estudo chego à conclusão que o meu filho não pode sair de casa por causa da poluição, dos raios solares, dos protectores que têm compostos para conservação e Deus me livre de o meter a tomar banho naqueles produtos naturais mas que têm sempre um mas nas composições...

Nunca poderá comer porque a carne tem dias a mais e não fui eu que apertei o pescoço ao animal e lhe dei uma facada até ele se esventrar de sangue, o peixe hormonas, as verduras químicos e mesmo as biológicas têm muito que se lhe digam (vejam os estudos). 

É melhor ele andar nu porque as marcas fabricam na China e as roupas têm produtos químicos cancerígenos (dizem os estudos) e não se safa nada nem ninguém porque os tecidos que não são de lá são dos países de Leste, das Índias ou do raio que o parta que de controle EU só têm mesmo as etiquetas e 1 em 10 000 peças.

Mas se andar nu ele constipa-se, fica doente e tem de tomar remédios que fazem bem a umas coisas mas mal a outras e são químicos e os produtos que a natureza produz podem não ser sempre eficazes e demorar a fazer efeito o que agrava a doença. Nem pense em juntar tudo que essa porra assim não é ecológica e até os produtos naturais têm efeitos secundários nocivos à saúde e depois ninguém sabe a quem pedir chorudas indemnizações e a culpa morre solteira.

E o que dizer das fraldas que são químicas e estudos indicam que podem ser a causa do aumento da infertilidade e as reutilizáveis precisam de tempo para serem esfregadas, consomem água e energia que falta ao planeta e aumenta a conta bancária, também gastam plásticos para serem embrulhadas, gasolina para serem transportadas e pagam IVA.

Nem sei como pensei em ter um filho no meio de tantos ataques mortais a que ele está sujeito. Sou uma irresponsável, assassina de bebés e péssima mãe porque a merda do discernimento que preciso para criar o meu filho evaporou-se e este Mundo é só merdas más e toda a gente nos quer matar.

Respirar contamina?

segunda-feira, 10 de março de 2014

O Mundo Mudou

E de repente o Mundo mudou. A minha vida mudou. Tudo o que sinto mudou.
Está tudo diferente mas nada ao contrário. São as coisas da vida, o que se passa, os acontecimentos, as coisas fofinhas, bonitas e coloridas, as imagens da fome, dos desastres e das guerras.

O Mundo mudou, faz amanhã 9 meses. Não sei porque mudou tão depressa ou o que é que lhe aconteceu mas foi uma mudança radical. Os sorrisos são maiores, mais intensos e audíveis. As provações mais angustiantes e preocupantes.

Está tudo diferente. As imagens de guerra, fome, morte e abandonos provocam-me muito medo. Fazem uma revolução tão grande dentro de mim com avalanches de lágrimas capazes de inundar grandes cidades. Choro muito pelos males do Mundo, sinto-me revoltada. Fico sufocada e tenho medo. Não entendo... Cada vez entendo menos!

Os sonhos, desejos e quereres também mudaram, são mais simples. 

Misturam-se os sonhos com as alegrias e o meu pequeno Mundo torna-se gigante com um ligeiro sorriso. É mágico e saudável, simples e colorido. Tem as cores do céu, da saúde e da Paz. Tem as cores do amor que vivo ao lado do Luís e do Diogo. Nada podia ser mais perfeito. 

...e assim deveria ser todo o Mundo: simples, descomplicado e alegre...

quinta-feira, 6 de março de 2014

Most Shocking Second a Day Video

A ONG britânica Save The Children criou um comercial para alertar sobre o que se passa com as crianças vitimas da guerra na Síria (mais de 11 mil foram mortas e 11 milhões são refugiadas). O vídeo mostra 1 segundo da vida de uma criança que mora em Paz e num 1 segundo tudo muda...

quarta-feira, 5 de março de 2014

1º Carnaval

E assim acabou o 1º Carnaval do meu Béu Béu. 


Fiquei triste por ter de arrumar o fato de cão do Diogo porque gosto muito dele e de o ver com ele vestido.

Dia dos Namorados 2014

Aqui vai uma maneira gira e barata de passar o Dia dos Namorados sem sair de casa.

A ideia era que o Diogo estivesse a dormir, tal como todos os dias, ás 20h mas ele decidiu pregar-nos uma partida e assim festejámos a 3 o famoso Dia do Amor, em frente a lareira, com o meu espumante preferido, bolos sortidos, uns fritos e as gomas que o meu marido adora.

Foi mais ou menos surpresa porque eu tive de me fechar na sala e proibir a entrada dele por isso ele soube que alguma coisa se estava a passar mas foi giro na mesma porque não sabia o quê.




segunda-feira, 3 de março de 2014

Alimentação do Bebé até aos 12 meses

Cada pediatra tem a sua ideia, eu sigo as indicações da minha pediatra. Se não fosse para seguir não ia lá fazer nada porque tenho no Google um pediatra, carpinteiro, electricista, cardiologista, dentista e muitos mais "istas".