Praia de Torel e Hotel Louro

Dois sítios onde fomos no ano passado, durante o mês de Agosto foi á Praia do Torel e a Óbidos.


O nosso amigo e Presidente da Junta de Freguesia lá se mexeu mais uma vez e fez obra. 
Não é que deu de inventar uma praia no meio da cidade!???

Transformou uma parte do Jardim do Torel na primeira praia urbana e deu-lhe o nome de Praia do Torel.
 Devo dizer que não escolhi o melhor dia para lá ir porque como qualquer praia ao fim de semana, 
esta também estava cheia.

As crianças brincavam no pequeno mar improvisado e os adultos descansavam na areia, na relva ou 
junto á grande varanda de onde se tem uma fantástica vista de Lisboa. Devo dizer que achei o 
lugar bastante convidativo para todas as pessoas e todos as pessoas estavam lá, desde mais jovens ás 
mais velhos, mais hippies e yuppies...

O parque infantil, a zona relvada com sombras e o pequeno bar tornam o espaço ainda mais atractivo e
confortável porque ali não falta nada e quando falo de nada é mesmo nada porque até o Diogo foi dar
 um ar da sua graça e uma perninha de dança com a enternaiment de serviço. 

Obrigada pela iniciativa e que venham muitas mais como esta não só porque são agradáveis mas 
porque devido á influência nota-se que fazem muita falta.




Hotel Louro

E lá fui eu passar o fim de semana prolongado a Óbidos. Fiz uma reclamação algo que correu mal nas férias e em troca obtive esta oferta (não digo o que correu mal porque a oferta é um pedido de desculpas)


Hotel Louro é tal e qual o que se vê nas fotos. Quartos não muito grandes, piscina pequena e um grande espaço verde onde o Diogo se divertiu muito, principalmente no final da tarde de Sábado (depois de um mergulho bem fresquinho) ao som dos galos, cães, pássaros, patos e cabras. Funcionárias muito simpáticas e prestativas. Pequeno almoço muito simples mas bom.

Gostámos da simplicidade e da familiaridade. Recomendamos.


Momento Mágico em que pai e filho se deliciaram e deliciaram e deliciaram e... no baloiço.


Comentários